Precauções para Evitar Infecções Vaginais

15 abr 2013 | 01:05 |
0 comentário

precaucoes-para-evitar-infeccoes-vaginaisAs infecções vaginais ou vaginite é uma inflamação da vagina que cria odor, desconforto, irritação ou coceira, mas existem maneiras de prevenir as infecções vaginais, como as seguintes:

– A forma mais comum para evitar uma infecção vaginal é praticar uma boa higiene, como manter a limpeza adequada depois de urinar ou defecar de frente para trás e também ajuda a prevenir a transferência de leveduras e outras bactérias do reto para a vagina.

– Devem ser evitadas as duchas vaginais, já que elas podem causar infecções por fungos; e para prevenir limite o número de produtos de higiene íntima que se usa, já que irritam a vagina e facilitam a infecções, tais como sprays, papel higiênico perfumado, protetores diários e tampões.

– Um ambiente úmido favorece o crescimento de leveduras e outros fungos, por isso as mulheres também devem secar bem a área genital após o banho ou a natação.

 

– A roupa folgada desencoraja o crescimento de leveduras e outros agentes fúngicos, e usar roupas íntimas de algodão ajuda a área vaginal a respirar e permanecer livre de umidade. A escolha de não usar calcinha à noite durante o sono também é uma boa maneira de evitar infecções vaginais.

– A diminuição do açúcar reduz o crescimento de levedura no corpo, e tomar iogurte e outros produtos pro bióticos que contêm culturas vivas de lactobacilius acidophilis, ajuda a manter os níveis saudáveis de levedura.

– Nem toda irritação vaginal é causada por uma infecção, já que as mulheres que estão na menopausa, muitas vezes podem ser afetadas por uma condição chamada de vaginite atrófica, este distúrbio ocorre por falta de estimulação hormonal dos tecidos genitais. Porque a vulva e a vagina são privadas desses hormônios, eles tornam-se mais secos e facilmente irritáveis durante a atividade sexual. O problema pode ser facilmente remediado por meio de um gel lubrificante, ou uma terapia de substituição hormonal.

Tipos de Infecções Vaginais e como Tratá-las

As infecções vaginais ou vaginite é uma inflamação da vagina que cria descarga, odor, irritação ou prurido. É difícil diagnosticar porque a vaginite pode ser causada por muitas razões.

Três infecções vaginais são as mais comuns e suas causas são muito diferentes; seus sinais e sintomas são semelhantes, mas os tratamentos variam nas três condições: vaginose bacteriana, infecção vaginal por levedura e tricomoníase. Falaremos desses tipos de infecções vaginais e como tratá-las.

• Vaginose bacteriana

A vaginose bacteriana é a causa mais comum de vaginite, correspondendo a 50% dos casos; é causada por uma alteração ou desequilíbrio entre os tipos de bactérias que se encontram normalmente na vagina e causa um crescimento excessivo de organismos, tais como Gardnerella vaginalis.

Os fatores de risco incluem a gravidez, os dispositivos intrauterinos e as duchas vaginais frequentes. Está associada com a atividade sexual e, possivelmente, com um novo parceiro sexual ou múltiplos parceiros sexuais.

• Infecção vaginal por levedura

As infecções vaginais fúngicas são causadas por um fungo, principalmente Candida albicans, também chamada candidíase, candidíase genital ou candidíase vulvovaginal. A infecção por leveduras pode se disseminar para outras partes do corpo, incluindo a pele, as membranas mucosas, as válvulas do coração, o esôfago e outras áreas.

Pode causar infecções sistêmicas potencialmente mortais sobre tudo em pessoas com o sistema imunológico debilitado, como mulheres grávidas, pessoas HIV-positivas, com diabetes ou que estão tomando esteroides.

• Tricomoníase

A tricomoníase é uma doença sexualmente transmissível causada pelo parasita Trichomonas vaginalis; é primariamente uma infecção do trato urinário e genital. Para as mulheres, a vagina é o local mais comum de infecção e para os homens, a uretra é afetada.

O diagnóstico é habitualmente feito com base nos sintomas e nos resultados das análises de urina e culturas vaginais e o tratamento baseia-se no organismo que causa a infecção.

Dependendo da causa da infecção, o médico pode prescrever supositórios vaginais, comprimidos ou antibióticos antifúngicos e o tratamento varia de acordo com a forma de vaginite que você tem a gravidade, a duração ou recorrência da infecção, e se você está grávida. É sempre importante consultar um médico para saber qual o tipo de infecção vaginal e como tratá-la.

Precauções para Evitar Infecções Vaginais

Comente com sua conta no facebook

Se não tiver facebook comente aqui.

Para: Precauções para Evitar Infecções Vaginais


 

Please log in to vote

You need to log in to vote. If you already had an account, you may log in here

Alternatively, if you do not have an account yet you can create one here.